Bolo

Bolo

Bolo

Hora do bolo? Confira estas dicas exclusivas para fazer de seu bolo um sucesso. Cuidados com os ingredientes, hora de assar, retirar da fôrma e como conservar seu bolo fresquinho.

Acredita-se que a elaboração de bolos exista desde o Egito Antigo na forma de pães adoçados com xarope de frutas, tâmaras e passas. Os antigos gregos e romanos o aperfeiçoaram, Nero, por exemplo, os apreciava. A real diferença entre pães e bolos só veio a ser caracterizada durante o Renascimento. A denominação teria vindo de bola e os bolos teriam formas associadas a lua.

As velas usadas nos bolos de aniversário são originadas da Grécia Antiga, das festas de Ártemis no dia 6 de cada mês do Calendário egípcio. Evocavam rituais mágicos para fazer pedidos.

Cuidados com os ingredientes do bolo

  • Antes de escolher os ovos para preparar a massa do bolo, convém saber que é das poucas coisas que ficam melhores, usando-se ovos médios em vez de graúdos; com estes o bolo não cresce muito, e geralmente abaixa depois de frio.
  • Ponha o sal diretamente sobre as gemas; é um segredinho que ajuda a deixá-lo fofo.
  • As claras, quando batidas, devem ser em ponto de neve, bem firmes, colocadas por último juntamente com o fermento; este deverá ser antes dissolvido em um pouco de leite. (Não use leite gelado nem quente, apenas ligeiramente amornado ou em temperatura normal.) Ao serem adicionadas à massa, esta não deverá ser mais batida, apenas misturada com cuidado. Estes conselhos são para receitas de bolos simples.
  • Quando a receita manda colocar o fermento durante a preparação da massa, dará melhor resultado se for acrescentado primeiro um pouco de farinha ao líquido, e só depois o fermento, com a segunda leva de farinha.
  • Uma colher de sopa de qualquer bebida alcoólica aromatizada, mesmo que seja a pinga, colocada ao final na massa, dará mais leveza e um sabor especial ao bolo.
  • Se a receita pede uvas passas, ou fruas secas, estas devem ser antes passadas por farinha de trigo, evitando assim que afundem na massa quando o bolo estiver assando.
  • Quando quiser fazer um bolo e verificar que não tem manteiga ou margarina, use para cada colher de manteiga 1 colher rasa de azeite (do melhor) e bastante essência de baunilha. O bolo ficará perfeito.
  • Antes de levar ao forno para assar a massa de um bolo comum, mas já com ela na fôrma, borrife-a com leite, pois o bolo, depois de assado, vai ficar muito mais bonito e apetitoso.

Dicas na hora de assar o bolo

  • Se o forno for muito forte, e o bolo correr o risco de queimar no fundo, ponha sobre a placa, debaixo do forno, um pouco de sal grosso; ou coloque, na altura da grelha, a fôrma do bolo sobre uma assadeira limpa virada ao contrário.
  • Com exceção do pão-de-ló, ou outros bolos de rápido assamento, o forno nunca deverá ser aberto antes que tenham decorrido 20 minutos de cozimento.
  • Ao abrir o forno e verificar que o bolo ficou dourado por fora, mas não assou por dentro, experimente colocar uma assaddeira ou panela com água na grade superior do forno, acima do bolo. O resultado será ótimo.
  • Estando ele muito escuro, pode-se evitar que queime cobrindo-o, imediatamente, com um papel bem engordurado.
  • Mas, se acontecer de tirar o bolo do forno e depois veificar que ele não ficou bem assado, melhe-o com um pouco de leite frio e coloque-o novamente no forno, na temperatura média, por mais alguns minutos.
  • Ao retirar o bolo do forno, cubra-o imediatamente com um pano seco, tendo antes o cuidado de mantes todas as portas da cozinha fechadas. Isto evitará que alguma corrente de ar faça com que o bolo murche. Após alguns minutos, retire o pano. Mais 7 a8 minutos e o bolo já poderá ser desenformado.
  • Se o bolo queimar no fundo da fôrma, utilize um ralador comum, passando-o levemente sobre a parte queimada, até que esta saia por completo.
  • E saiba também que, enquanto não se sentir o cheirinho de assado, é sinal de que a massa ainda está crua e não começou a assar; por isso será inútil e contrapreducente ficar abrinco o forno.

Dicas para retirar o bolo da fôrma

  • Para facilitar a retirada do bolo da fôrma, embrulhe-o ainda quente em um pano, até que esfrie; assim ele soltará facilmente.
  • Também para desenformar um bolo sem dificuldades, coloque a fôrma dentro de uma vasilha com água quente, durante alguns minutos, que ele sairá inteirinho.
  • Mas se acontecer de ele sair todo quebrado, aproveite para fazer, de um simples bolo, uma apetitosa torta. Junte os pedaços com geléia, ou qualquer creme, cubra com suspiro ou creme chantilly, e enfeite.
  • É mais fácil cortar um bolo muito fresco molhando-se primeiramente a faca em água fria.

Como conservar o bolo

Seu bolo simples se conservará fresco, até mesmo depois de cortado por alguns dias (se sobrar), das seguintes maneiras:

  • Deixar sempre dentro ou coberto com a mesma fôrma em que foi assado, tendo porém o cuidado de não lavá-la nem limpá-la, o que será feito quando o bolo tiver terminado.
  • Colocar no lugar onde foi cortado uma fatia de pão fresco, espetada com um palito
  • Mas se costuma usar bolos em pacote (desses que se compram prontos), guarde junto dele uma maçã fresca e tampe o pacote. Esse mesmo processo serve também para bolos feitos em casa, porém eles terão que ficar bem cobertos, bem fechados.
  • Se o bolo for de assadeira, basta que se retire dela apenas os pedaços que serão comidos. Os que continuarem dentro serão conservados.

Bolo de Chocolate

  • Sempre que a receita de um bolo pedir chocolate, não deixe de acrescentar à sua massa umas 2 colheres (sopa) de café forte; além de acentuar o gosto do chocolate, vai impedir que o bolo, depois de pronto, fique ressecado.
  • Mas quando a receita desse bolo pedir bicarbonato, acrescente 1 colher (chá) de bicarbonato de sódio, para que o bolo fique macio e úmido.
  • E quando levar fermento em pó, incorporar à massa de 1/2 a 1 maçã ralada, que também dará umidade, além de um sabor especial.

Dicas exclusivas para seu bolo

Fermento: Se a massa do bolo que você está preparando levar fermento em pó, mas sua latinha está vazia, não adianta brigar com a cozinheira; nessa altura, o melhor que você tem a fazer é “quebrar o galho” substituindo o fermento por… adivinhe só… sal de frutas! Use a medida de 1/2 colher (sopa) de sal de frutas para cada colher (sopa) do fermento. Ele não deve ser dissolvido em nada, apenas deve ser colocado diretamente na massa.

Frutas Cristalizadas ou Passas: Quando estas forem misturadas à massa crua do bolo, em vez de passá-las por farinha de trigo (para não ficarem no fundo do bolo) experimente polvilhá-las com um pouquinho de fermento em pó, retirando em seguida o excesso, antes de misturá-las à massa. Elas vão ficar bem envolvidas na massa e não afundam mesmo.

Tags: